GESTÃO FISCAL PARA REGULARIZAÇÃO DE OBRAS


  • Matrícula CEI;
  • Regulamento do ISS do município da realização da construção;
  • Projeção financeira do ISS e INSS da construção;
  • Análise das propostas e contratos dos prestadores de serviços;
  • Análise das notas fiscais de serviços;
  • Emissão das guias dos tributos retidos na fonte “IRRF, PCC, ISS e INSS”;
  • Análise das GFIP/SEFIP;
  • Relatório das retrições na matrícula CEI;
  • Escrituração fiscal do ISS do local da construção;
  • Obtenção das certidões do ISS e INSS;